Agora é que eu vou dizer tudo ...

17.8.03
Diga ?:


"Já ninguém é suficientemente ingénuo para pensar que a interferência do governo na comunicação social se faz por telefonemas directos dos ministros, embora ainda os haja. As formas são mais sofisticadas uma das quais são as "reestruturações" em nome da eficácia dos "negócios" que condicionam carreiras, postos, compromissos e o destino de jornais e rádios. Também aí há alguém a premiar quem se porta bem e quem se porta mal e esse alguém está no governo, ou depende do governo.”
Isto disse Pacheco Pereira quando o engenheiro estava no governo. Transcreveu-o no Abrupto.
Agora, colocou um post em que tenta justificar o silêncio : " ... problemas sobre os quais, como toda a gente, existem factores de censura e inibição pessoais. Por isso, é mais natural o silêncio do que a fala. "


16.8.03
Diga ?:


O ministro da Segurança Social e do Trabalho, Bagão Félix suspendeu a transferência de verbas para o fundo de reserva da Segurança Social, a fim de fazer face à escalada das despesas com o subsídio de desemprego, noticia esta sexta-feira o Expresso.

Parece uma opção lógica, mas perigosa.
A intenção não é boa. O desemprego a subir em larga escala, foi proporcionado pelo governo. Os receios dos futuros reformados, que agora vêem as coisas ainda mais mal paradas, vão conduzir à procura dos PPR e demais "tiros no escuro" que as Seguradoras oferecem. E quem é o representante das Seguradoras no governo ? Bagão, pois então !
Não há a mais pequena vergonha. Depois do negócio com o ministro-infiltrado pelo Mello Saúde, agora aparece este ...

Diga ?:


Late night posts.

Preciso de saber "onde estava o Luís Delgado quando foi o 25 de Abril". Coragem na pena não lhe falta ( para dizer irresponsabilidades e distorcer factos). Falta saber qual a coragem que o menino teria para se armar em "herói" em momentos como a rendição da meia dúzia de portugueses na Índia e, a propósito de Maggiolo, na saída de Timor. Tenho para mim que o Del(e)gado é retornado e nunca percebeu que quem estava nas colónias, há muito que se devia ter apercebido da irreversibilidade da História. Mas não. Não há texto que não venha em defesa do SEU governo ou em laudatórias lambusadas que se pensava serem impossíveis de reeditar. Ele edita e reedita !
Preciso de saber também se a nomeação de um engenheiro naval para chefe máximo dos bombeiros e protecção civil, foi pensada em função da próximidade da água. O homem meteu água, mas não onde devia.
Finalmente, desafio aqui Pacheco Pereira a explicar melhor o seu raciocínio sobre a intenção de descaracterizar a TSF. Num post do seu blog, diz que tinha avisado que o que o governo anterior fez, foi colocar os orgãos de Comunicação Social da PT, à mercê do governo. O que foi um erro. Só não entendo porque é que Pacheco Pereira não lamenta que tenha sido o governo que ele apoia a aproveitar-se do facto. Eu penso que não é honesto. Devia dizer, abertamente, que o governo (indirectamente) pode vir a fazer aquilo que ele temia que outros fizessem. Mas não. Por omissão, no seu post, deixa a ideia que faz parte da estratégia PSD/PP. A culpa foi do engenheiro ! O problema é que foram eleitos para não repetir erros e, sobretudo, para fazerem melhor. Afinal, neste caso, à primeira oportunidade, aproveitam o buraco deixado pelos antecessores. Se você sabe disto e é uma pessoa de "bem" ( já se esqueceu ?), devia FALAR e não deixar no ar tentativas para desresponsabilizar, só por causa de lhe garantirem uma bela estadia em Bruxelas. (gostou desta ? é tão torpe como o seu post).
Este blog que era para ser divertido, perante tanta estupidez, incompetência e até maldade, perdeu a vontade de rir.


11.8.03
Diga ?:


PUM ! PUM ! PUM !
Eh lá ! É festa ! É festa rija ...
Oiço-os ao longe. Os foguetes. Esses. Claro. Os que foram proibidos.
Venha o Presidente da Junta, da Câmara ou até da República ... Venha a Guarda ! Mas atão querem-me estragar o "meu lindo Agosto" ? Quais fogos quais quê !? "Corujais em festa". Sei que somos só 15 pessoas, mas os de Corujais-Fundeiros não se hão-de ficar a rir de nós. E se houver incêndio, o nosso que seja maior quadeles ...
Vá lá. Eu autorizo, mas depois nas eleições não se esqueçam.
Mas é claro ! Atão quem é que tem botado sempre por vós ? Aqui é garantido ... Já sabe que estamos sempre prontos para contribuir para o nosso atraso e para darmos emprego ao Pacheco Pereira lá em Bruxelas.


Home